COMPARTILHAR

A DB1 Global Software renovou a certificação CMMI Nível 3, emitida pelo CMMI Institute. A multinacional de tecnologia, com sede em Maringá (PR), é uma fábrica de softwares e abrange diversas soluções, como serviços de desenvolvimento para empresas de médio e grande porte.

A certificação CMMI reconhece o nível de maturidade da empresa, que atua há 17 anos no mercado. Com isso, a DB1 consegue participar de licitações oficiais, por exemplo, além de garantir o padrão de qualidade exigido pelo Software Engineering Institute (SEI) da Carnegie Mellon University e do CMMI Institute.

O Nível 3 classifica a empresa como “Definido”. Ou seja, a DB1 possui  um processo composto por atividades de gerenciamento e engenharia, documentado, padronizado e integrado em um processo padrão da organização. Todos os projetos utilizam uma versão aprovada e adaptada do processo organizacional para desenvolvimento e manutenção de produtos e serviços tecnológicos.

Como funciona a classificação CMMI?

O CMMI está dividido em cinco níveis de maturidade e atestam o grau de evolução em que uma organização se encontra. Essa classificação tem por objetivo funcionar como um guia para a melhoria dos processos da organização. Para isso, considera atividades como o gerenciamento do desenvolvimento de software, prazos e custos previamente estabelecidos.

“Os índices de entrega de projetos [da DB1] estão acima de 90%, dentro do prazo, escopo e custo contratados, com índice de retrabalho inferior a 4%. A certificação CMMI referenda todo o trabalho que vimos realizando com foco na qualidade e para entregar a nossos clientes software funcionando de primeira”, conta Ilson Rezende, presidente fundador da DB1.